Relacionamentos

Conheci na internet e me apaixonei – E agora?

25/07/2014
Vamos combinar que a muita gente passa mais tempo online que offline. Compartilhar cada momento da vida, conversar, faz compras e porque não conhecer alguém e se apaixonar também? 
É sim possível e muito comum! Eu mesma sou uma “vítima” de um relacionamento que começou pela internet. Conheci meu atual namorado num jogo (aka Maple Story) quando tinha uns 16 anos. Na época ele morava em Maceió (fazia faculdade) e eu no interior do Rio (fazia ensino médio). Viramos muito amigos, sem nenhuma intenção de namoro (na época os dois namoravam). Após anos de muita conversa sem nenhuma pretensão, fui morar em São Paulo para cursar a faculdade e ele sempre quis ir para cidade grande fazer cursos e trabalhar. E numa dessas idas para procurar cursos e casas pra morar nos conhecemos, nos gostamos e começamos a namorar a distância (fiz um post sobre namoros a distância aqui).
Depois de um ano namorando a distância ele veio morar em SP e hoje moramos juntos há alguns anos. Viu só que história feliz? Poderia ser o tema da próxima novela no Manoel Carlos, né? Ficaria bem de Helena. hihihih
Bom, deixando minha história de lado (foi só pra mostrar pra vocês como é possível sim!), vou dar algumas dicas para quem tá nessa fase de “apaixonamento virtual”.
– Conversar faz bem e é preciso – E sem contar que é conhecendo a pessoa que você se apaixona de verdade né? Costumo dizer pras pessoas que eu sou muito mais legal na internet que pessoalmente, então o bom papo é primordial.
– Não importa onde vocês se conheceram – Pode ser numa sala de bate-papo (sim muita gente ainda se conhece assim!), em jogos online, sites de relacionamento ou através de amigos em comum. Nenhuma maneira é menos importante e segura que a outra.
– Cuidado com as más intenções – Sério gente, como eu já disse a pessoa pode ser muito mais legal pela internet e usar esse fator pra se dar bem. Tem que ter muito cuidado em se expor na internet. Bom senso mesmo, sabe? Se ela começar com uns papos estranhos o melhor é ficar esperta!
– Alguns entendem, outros não – Vai contar pras pessoas que você se apaixonou por alguém na internet? Uns vão rir da sua cara, outros te apoiar e alguns ficarão apreensivos. O importante é você estar feliz!
– O primeiro encontro tem que acontecer – Depois de muito papo a vontade de se conhecer pessoalmente vai acabar chegando. Gente, mesmo que você já seja a maior brother da pessoa, combine esse primeiro encontro em um lugar público, ok? Sempre é melhor prevenir. Eu mesma depois de anos conversando com o meu namorado pela internet tive meu primeiro encontro num shopping só por garantia, hahaha. Acabou que ele não era um mau elemento!
– Cuidado com as stalkeadas – Isso vale para qualquer tipo de relacionamento. Fuçar, fuçar e fuçar no perfil da pessoa e ficar imaginando besteiras não vale! 
 
namoro na internet
 
E o mais importante de tudo vou exemplificar com uma conversa que minha mãe e eu sempre temos:
Mãe – Você tá feliz Renata? Vai te fazer feliz?
Eu – Sim mãe, eu tô feliz.
Mãe – Então vai fundo!
Fazer o que te faz feliz faz bem e não dói (é bom até pro coração, hihihh).
Alguém aí é uma vítima do amor pela internet ou conhece algum casal que se formou assim?
 
  


 
 
 

Comentários

comentários

11 comentários

  1. Oi Julia, que história linda! Eu também conheci o amor da minha vida pela internet, nessas salas de bate papo do UOL. Bem, nos conhecemos e ficamos nos falando por email e telefone durante alguns meses. Morávamos no mesmo bairro e nunca tínhamos nos visto. Um ano depois que nos conhecemos pessoalmente, começamos a namorar. Namoramos 7 anos e casamos. Hoje estamos com 3 anos e 8 meses de casados, totalizando 10 anos e 8 meses juntos. Sou a mulher mais feliz do mundo, encontrei o verdadeiro príncipe, a pessoa mais maravilhosa desta terra. Eu acredito que quando é pra acontecer, acontece, não importa por qual meio as pessoas vão se conhecer, não importa quando, o amor bate e pronto. Às vezes tem gente que tem o amor do seu lado e não percebe. Acho que muitas pessoas não encontram o seu “príncipe” ou “princesa” porque escolhem muito, são muito criteriosas, e querem achar uma pessoa perfeita, quando na verdade não existe a pessoa perfeita, existe a pessoa certa.

  2. Eu sou uma vítima hahahah
    Conheci meu namorado através do Orkut <3 Na época eu tinha várias pessoas desconhecidas adicionadas e em um lindo dia ele veio falar comigo e começamos a conversar, depois de uns 3 meses nos encontramos (em público, claro hehe) e estamos juntos até hoje! (já fazem 4 anos e 7 meses) ♥♥♥

    Conheci seu blog hoje e já amei <33
    Beijoss

    biancaevelyn.blogspot.com

  3. Eu estou prestes a conhecer ele… aim não sei o q eu faço, ele está vindo do Mato Grosso passar 10 dias na casa de parentes e me conhecer… to só a pilha, com medo d ele não gostar de mim, estamos conversando a 35 dias, eu era casada, conheci ele uma semana antes de meu ex ir embora, e desde então, ele me acompanha todos os dias, não teve um dia se quer sem nos falarmos, estou muito anciosa.

  4. Eu conheci um rapaz num app e no primeiro momento eu gostei da cara dele rsrs (deu match) aí vieram as conversas…e a revelação ele disse morar com uma pessoa mas estava se separando…eu não falei nada, afinal estávamos nos conhecendo….ele começou a falar do relacionamento dele e só ouvia, opinava de vez em quando mas pra saber sobre a história dele. Disse que tentava se separar mas que a mulher era muito ciumenta e fazia escândalos quando ele falava que ia sair de casa! O mesmo tbm tinha duas enteadas de 17 e 18 anos e a mulher não trabalhava, ou seja, ele não conseguia largar elas e deixar passando necessidade. Ah! Ele tem 31 anos e a mulher 46 anos, estão juntos há 10!!!!! Fiquei meio chocada rsrs ele disse q não foi por dinheiro, brincou dizendo que foi uma passagem de trem bala que ele comprou e que estava muito apaixonado quando resolveu morar junto e assumir uma família! Continuando….papo é complicado!!!!! Conversa vai conversa vem eu enxerguei nele um cara sufocado! Fiquei só de ouvinte mas nossos papos foi tendo tanta sintonia irreal e eu passei a gostar da cia. dele! Num belo sábado ele me mandou uma msg dizendo ser boa e ruim! A boa era q estava definitivamente separado mas que a mulher pediu um prazo, que seria o de arrumar um emprego!!!!! Ah!!!! Nunca nos encontramos ele disse que não queria me enrolar e me envolver nos problemas dele que preferia estar livre mas a gente tinha muita vontade de nos vermos!!!! Não aconteceu!!!! Conversávamos sobre tudo, sonhamos junto praticamente…viagens, momentos, planos!!!!! Era bom, muito bom!!!! Durou 1 mês esse papo e foi forte muito forte!!!! Em janeiro desse ano ele, sumiu do whatsapp não me mandava mais mensagem de bom dia!!!! Ele apareceu depois pelo app de relacionamento dizendo q não podia mais conversar comigo que tinha meu número guardado mas precisava se afastar!!!! Eu fiquei arrasada!!! Com raiva tbm!!! Pensei q tinha só me usado como válvula de escape!!!! No whats eu não podia enviar msg pra ele, ele que mandava pra mim!!! Num domingo eu quebrei o acordo e mandei uma msg!!! Era um print de um texto ele respondeu pediu desculpas e falou outra coisa q não lembro…depois bloqueou no whatsapp kkkk tenso!!!!
    Depois de um mês usei um outro celular pra enviar msg pra ele no whats dizendo q ele tinha fugido feito rato, me bloqueando, que era um canalha enfim explodi mas ele respondeu e foi por áudio!
    Dizendo q não tinha sumido, que não queria que fosse assim e que não sabia que estava mal, que achou que eu iria esquecê-lo e que não queria me atrasar esperando por um cara que tá enrolado!!! Eu entendi mas não gostei se é que isso é possível!!!! Ele falou q quando se resolver vai entrar em contato e que se eu estiver livre vamos ver o que acontece!!!! Disse que não tinha me esquecido mas que era preciso fazer isso! Tbm falou que não ia consegui levar duas relações, que não ia ser bom pra ngm, que não seria um relacionamento saudável!!!
    Percebi mas ainda o quanto ele tava sendo sincero! Essa era a vrdd!!!!
    Finalizando eu não o esqueci eu não consigo seguir em frente pq penso nele! Penso no que teríamos vivido!!!!
    E tô pensando que eu talvez precise ve-lo pessoalmente pra quebrar esse encanto eu acho q gosto dele mas nunca o vi, não sei se gosto dele mesmo ou se gosto da imagem que criei dele! Eu quero dar um passo adiante mas não quero deixar nada mal resolvido!!!!!
    Será que seria bom eu vê – lo pessoalmente, pra encerrar isso logo!

    Desculpe o textao!!!

    1. Ahhh, o famoso tinder! Puts, isso é muito complicado, tô falando com um carinha super gente boa, gato, e em certo momento de conversa ele disse que tem ex namorada, e eu vi que ele a segue no instagram esses dias (sou curiosa, fuço demais) fiquei meio assim né, estranho! Por que se ta no tinder é pra ter algum tipo de relacionamento, esquecer romances passados, enfim, desnecessário.

  5. Bom, estou em um dilema, conheci alguém pela internet (não era minha intenção), tem um ano que começamos a nos chamar de namorados, ele é do sul, me mostrou sua família inclusive os filhos dele também mandaram um vídeo, sei onde mora, telefone, trabalha, mas tenho muito medo ainda, ele sempre me convida para conhecer a casa dele, mas não se mostra interessado a vim à te mim, e eu sou bem teimosa, e acabei brigando com ele, nos falamos todos os dias, à toda hora, e briguei feio, não sei se estou certa, mas por causa do meu trabalho acabo desconfiando de tudo, não sei o que fazer, por que gosto dele, mesmo sem nunca ter nos visto, só pela internet, gostaria de uma opinião, por favor.

Deixe o seu comentário!