Dieta Saúde

#Dieta: TPM | Respirando fundo e tentando me equilibrar!

31/05/2013
Ai meninas, não sei se estou vivendo um inferno astral, nem sei o que é isso, potencializado pela minha TPM, mas devo dizer que essa semana foi punk, já na segunda eu estava cansada, parecia que algo ou alguém havia sugado minhas forças. 
No trabalho, novos clientes – o que é ótimo, não estou reclamando – o que me deixou meio tensa durante o dia. Na terça pra começar bem, deixei o meu iphone cair no chão, a tela rachou, mas isso foi só o começo de uma terça-feira infernal. Mil coisas pra fazer, mas dei um jeito de fazer os meus lanchinhos. Fui levando com frutas – maçã, banana – e quando não lembrava, ou quando não dava tempo comprava uma barrinha de cereal perto do trabalho.
Acho que a terça foi o ápice do stress, tudo somou sabe? Excesso de trabalho, a tmp gigante (não me sentia tão deprê, tão desequilibrada, tão doida! há muito tempo, mais 5 dias assim e eu pediria uma camisa de força! O ideal nessas horas seria sair de férias, né? Pena que não é possível!), o iphone quebrado (a minha monguisse), mas acho que mesmo eu tendo dado umas “jacadas” leves durante a semana (ontem por exemplo) não achei que foi de acordo com a situação, a coisa já foi beeeem pior. O que minimizou um pouco a explosão foi que no final da terça eu fiz uma aula de pilates – claro que não precisa ser pilates, uma caminhada já ajuda, viu? – o fato é que eu liberei endorfina. 
O feriado surgiu para salvar a pátria. Bom para se exercitar? Seria perfeito se eu não estivesse tão exausta e com rinite e com vontade de virar um urso e dormir por longos meses. Mas eu precisava descansar e entre outras coisas fiz isso. Sobre jacadas, bom, minha mãe querida fez torta de bolacha ontem, eu nem gosto muito de torta de bolacha, mas acabei cedendo, enfim, altos e baixos, voltamos a programação normal. Hoje estou mais calma, minha garrafinha com água está aqui ao lado na mesa do trabalho e no final do dia tem pilates. Em resumo, a semana foi uma bostinha, mas poderia ter sido bem pior, né? Eu poderia ter comido o dobro, poderia nem ter ido na aula de pilates… Mas enfim. Seguimos! Ainda não me pesei, só na terça da semana que vem. Vou parar por aqui pois tem um mostro da cólica sambando no meu interior. Beijo.

Comentários

comentários

26 comentários

  1. Isso mesmo! A gente tem que se comparar com o que poderia ter feito!
    É difícil, é muuito difícil! Pra mim já se vão -18kgs! Mas o importante é, entre altos e baixos, nunca desistir!
    Boa aula de pilates! 😉

  2. Difícil ver um post de desabafo teu, mas a gente sabe que além de musa tu também passa pelos mesmos perrengues que as tuas leitoras,né.
    Esses dias de TPM acabam com qualquer humor e dieta, mas o teu foco já tá bem definido e isso é fundamental!
    Força na peruca que tudo vai dar certo!
    Beijão =)

    1. Oi Kátia!
      Ooown, ai, eu ando fazendo 1000 coisas ao mesmo tempo que tô meio maluca, mas agora a tpm foi embora já tá tudo entrando em ordem. =)

      Obrigada pelo carinho.
      Beijo.

  3. Oi, Julia!
    Descobri seu blog agora pouco, quando procurava blogs de ‘frescurinhas’, mas que fosse gaúcho, pra me sentir mais em casa e acabei no seu.
    Aí guria, li esse teu post e tive que vir comentar. Porque apesar da frustração, do cansaço e da chateação que você fala, ele me deu uma sensação tão boa. Um sentimento de honestidade, de estar lendo coisas de gente que é de verdade, que não é plástico, que tem alegria e dor, que precisa se equilibrar pra fazer a vida acontecer. Me deu um respeito por ti. Uma vontade amigável de ver mais e mais do blog. Então, Julia, desejo de verdade que os próximos dias sejam melhores e desejo mais ainda que você possa seguir assim, honesta, viva, verdadeira. Um abraço.

  4. É isso aí, a gente é humana… meu dia de cão foi quarta-feira, me cortei com uma lâmina de barbear, derrubei metade de uma base cara dentro da pia, peguei um ônibus que quase bateu (felizmente, fiquei só com dois roxos no braço), prendi meu dedo numa gaveta do trabalho… Enfim, como o dia da minha irmã também sido uma bela bosta, resolvemos afogar as mágoas num buffet mexicano (coisa que não fazíamos há MUITO tempo): comi meus nachos, quesadillhas e chimichangas, mas troquei o drink de sempre por um suco de limão – e, pra mim, já foi uma grande vitória… considerando também todo o estresse que eu tô passando no trabalho e na faculdade, ainda tinha saído de uma sessão de terapia nada fácil “/

    1. Aiii Nádia! Tem dias que quando uma coisa dá errado levamos o clima tenso pro restante do dia, né? E eu pensei que depois que terminasse a faculdade tudo ficaria mais fácil, mas me enganei, sempre arrumamos mais o que fazer, sabe? Mas enfim, tmp passa! =D E vamos levando. Como está tudo aí querida? Beijo.

  5. xii, menina, pois eu que entrei na Meno tô que tô…. semana passada, depois de 6 meses sem menstruar, eis que a bendita/maldita deu as caras…. queria matar o mundo… brabeza pouca era bobagem perto de mim.. e o pior… tinha conseguido fechar a boca, dai… cai de quatro nos doces…. pior é que ficava p com todo mundo por causa da TPM e comigo por causa da gula incontrolável….. mas agora já tá mais amena a coisa por aqui (graças!!!)
    saudades lindona, quase não tenho ido a Arroio do Meio….. só marido e filho é que dão as caras por ai p ver minha sogra…. qquer hr a gente tem q se encontrar
    bjs
    tititi da dri – ótimo findi!!!

  6. Sabe que eu sofria muito com tpm, nesses dias eu tinha raiva de Deus por nascer mulher, felizmente agora eu tomo aquelas pílulas anuais e menstruação, nunca mais.. só se eu quiser. Melhor coisa do mundooo. Agora posso me estressar com outras coisas bobas, tipo ficar presa no trânsito de São Paulo.

  7. Nossa nem fala quanto a tpm chega e pra ajudar algums probleminhas tenho vontade de matar um..O Mês de maio foi assim o mim,fiz uma cirurgia fique de molho sem ao menos poder correr e a tpm chegou junto aff ..
    Adorei seu blog.. e espero que a próxima semana seje maravilhosa
    Beijos com charme
    Shai

Deixe o seu comentário!