Curiosidades Dieta Saúde

Segundo mês de Reeducação Alimentar

23/08/2011

Pensou que eu desisti da dieta? Ops, da reeducação alimentar? Não! Na semana passada minha consulta com a nutri foi bem animadora, baixei 700g e reduzi o percentual de gordura que habita esse corpinho.

Já haviam se passado umas três semanas e nada do peso cair, mas como eu havia falado no post anterior, fui atrás da Passiflora, que nada mais é que extrato seco do maracujá. Estou tomando a versão em cápsulas de 230mg uma vez ao dia e estou me sentindo menos ansiosa, tranquila. Tem momentos que até esqueço do meu horário de lanche, quando vejo a hora passou e não estou arrancando os cabelos por um chocolate, entende? Outro composto que estou consumindo é a Garcínia, também em cápsulas. Essa última de acordo com a nutri aumenta a sensação de saciedade, ótimo, né?

capsulas

Só para você não ficar aí achando que eu sofro muito, na última sexta fui com a querida Julia Camargo a Pizza do Pedaço, uma pizzaria pequenininha que serve fatias individuais. Eu estava com vontade de comer algo salgado, mas pizza? Pizza sim, pizza de mussarella, rúcula(muita rúcula!) e tomate seco, gente, amei! Super recomendo. E olha que eu aprendi a comer rúcula depois que iniciei a RA, antes achava muito amargo, nem dava chance pra ela.

Pizza de rúcula com tomate seco

Confesso que nos finais de semana ainda me passo um pouco, é um aniversário aqui, festinha ali, mas acho já consigo parar e pensar naquilo que vou comer com mais facilidade, por exemplo, se eu como a torta de morango, não como a de chocolate, se eu como o brigadeiro, deixo o refrigerante de lado… Aliás, refrigerante é algo que quase não entra no meu cardápio, se tô com sede e quero algo docinho escolho um suco, mas na maior parte do tempo minha bebida é água.

Obrigada a você que está acompanhando minha saga por uma alimentação mais saudável, e para quem não viu, aqui tem os outros posts. Estou muito feliz em ver que o blog está inspirando algumas leitoras, eu sei, não é fácil perder peso, tô passando por isso, mas né? Esse esforço compensa mais tarde.

Beijos.

Julia Thetinski

Comentários

comentários

28 comentários

  1. Nossa acho q preciso desses dois composto URGENTE! Sou muuuuuuuuuuuuuuito ansiosa, por isso tô toda hora beliscando, roendo.. rsrsrs

    Parabéns Julia.. admiro seu esforço!!

  2. Oi!
    Sempre leio teu blog pelo Google Reader, mas ultimamente não tem funcionado: aparece só o início do post.
    A mudança foi de propósito?

  3. Oi Drika! Obrigada querida. =) Experimenta e depois me conta o que achou.

    Franci, foi alterado sim. Tá muito ruim? A intenção é que vocês visitem e interajam mais com o blog.

    Beijos meninas.

  4. e esporte que bom, nada né dona julia?? hehehehe quer ser só bonita ou ser saudável??

    do anônimo ricardo heheheh

  5. Ju Linda!!
    Você já sabe que eu adoro adoro essa TAG do Blog, diga-se de passagem te encho o saco pacas no Twitter com isso.. Rsrsrs! Mas vamos lá ao começo da minha saga mais ou menos inspirada em você.
    Eu tenho 22 anos, 1.60 de altura e 57kg (pelo menos era da ultima vez que pesei).. Bom, para minha algura até que é um peso dentro do ideal, mas sabe quando você olha no espelho e não gosta absolutamente nadinha do que vê?! Então, eu estou assim. Esses Kgs não estão distribuidos de forma adquada no meu corpo, e a barriga e a “alcinha de panela” estão colocando a minha alto estima no lixo…
    Tem tempos que eu venho com essa insatisfação, mas empurrando, comendo menos três dias, comendo tudo como se o mundo fosse acabar no outro. Vou na academia uma, duas semanas e depois paro e por ai vai… Até mesmo o remédio que o Endocrinologista receitou pra minha Mãe eu cismei de usar, mas CLARO, não adiantou nada.
    Enfim, isso foi me deixando chateada, eu fui ficando fria com o namorado, pensando se eu tava uma bolofa e ele estava reparando isso naqueles momentos sabe?! Teve uma vez que eu me desliguei totalmente do prazer do momento e fiquei analisando isso, se ele estava preocupado com isso assim como eu estava.
    Na sexta feita passada, antes de ir pra faculdade, tomei um banho e quando sai fiquei um tempão me olhando no espelho e aumentando mais a minha ideia do tanto que eu estou insatisfeita com o meu corpo e do além decidi que eu ia fazer uma lipo, não ia falar com ninguem pra não decidirem por mim e ponto, e olha que eu tenho medo eterno, tenho quase uma fobia de cirurgia, tenho medo de dar alguma coisa errada e morrer, isso mesmo, um pensamento quase arcaico com os avanços da medicina de hoje, mas tenho. E com essa idéia eu fiquei até ontem de manhã.
    A primeira coisa que eu fiz quando cheguei no trabalho foi logar no msn e conversar com uma Amiga que já tinha feito Lipo, pra ver os prós e contras, começei a ler a respeito e tals. E cheguei a várias conclusões quanto ao procedimento.. Primeiro, SEMPRE tem riscos, tanto na cirurgia em si quanto na anestesia. O médico pode não usar a cânula de forma correta e dar alguma complicação, a anestia pode fazer a paciente ter um ataque cardiaco. Segundo, se o médico realmente for correto ele não vai fazer examente o que a gente pedir se não estiver dentro da ética médica dele, que seria por exemplo tirar a gordura toda, até o osso e ficar seca.. Isso não acontece, ninguem vira a Gisele depois de uma lipo, vai ficar alguma coisa e eu não vou ficar satisfeita. Terceiro, com a insatisfação a primeira coisa que vai vim na minha cabeça é a grana que eu gastei, que não seria pouca e o risco a qual eu me expus por tão pouco…
    Com tudo isso, e um comentário quase maior que o post, rsrsrsrs, a mesma Amiga que fez a Lipo e tava me dando o maior apoio em fazer, lembrou de uma conhecida dela que é uma ótima Nutricionista, ai eu vim aqui no Blog, li todos os post da Reeducação Alimentar, desisti da Lipo e tenho minha primeira consulta com a Nutri amanhã, VIVA! =)
    A mudança foi tão grande que só por ter me livrado de toda essa ansiedade e nervoso já me fez sentir outra pessoa hoje, tudo fluiu melhor.
    Eu tenho então que agradecer a Ju por dividir com a gente a vida dela, principalmente um assunto tão delicado para mulher, que é o peso.
    Obrigado, muiiito obrigado! =)
    Beijos.

  6. Hummmm rucula. eu aprendi a gostar de rucula justamente por uma pizza de rucula com tomate seco, depois desse dia se tornou minha salada preferida.

    Se mantenha firme e forte na RA, eu tambem estou nela há um tempo, ja emagreci uma parte e agora o peso estabilizou, mas tenho tentado manter a RA e dar um gas nela.

  7. É uma das pizzas que mais gosto Júlia! Esta e a de alho com champignon.
    E rúcula não falta na minha salada. Todo domingo meu esposo vai à feira e compra pra semana.

    Tô gostando de ver sua determinação.
    Bjs

  8. Oi Lee!
    Pois é, tô amando essas combinações, acho que a RA tá mudando meu paladar. =)

    Marcela, verdade, e com tomate seco então…aiai, deu fome!

    Oi Flávinha, alho e champignon? Humm, vou procurar.

    Lívia, que bom que gostou.

    Beijocas meninas!!!

  9. Desde quando eu casei comecei a ficar de olho no que como porque meu marido só gosta de comidas saudáveis. Adorei sua pizza! Pra mim o complicado é resistir na TPM, no restante dos dias eu troco coisas menos saudáveis por mais saudáveis tranquilamente =D e nessas trocas, em 2 anos de casada, já perdi 11kg! Fico mega feliz sempre que me peso e que vejo que meu manequim está diminuindo heheheh. Tô adorando ler a sua “saga”, beijos!

  10. Oi Julia, tudo bem?
    Desejo força pra você porque sei que se reeducar em qualquer sentido da vida é difícil, ainda mais no alimentar, porque fomos mal educadas nesse fator desde que éramos crianças.

    Preciso também ir pra esse caminho, e vou tentar me reeducar pela trigésima vez.

    beijos e vamos conseguir.

Deixe o seu comentário!